Segunda-feira, 25 de Abril de 2005
Mais coisas úteis, vindas do Japão!
Algum de vocês, caros leitores, já passou noites sem dormir, só porque ouvia uns barulhos estranhos lá em casa?! E, depois disso, começou a imaginar coisas... "Será um ladrão?! Será um fantasma?! Ou será algo bem pior que isso, tipo... O Paulo Portas?!"

Se já passaram por isto, então oiçam os gritos tecnológicos vindos do Japão, país onde outrora se inventavam Tamagochis e outras coisas úteis...
Vai estar disponível no mercado japonês, nos próximos dias, um localizador de fantasmas!
Fantástico, não?! Tipo: Segundo a empresa que inventou tal utilidade, este dispositivo reconhece desde simples espectros até almas perdidas. Mas não só! Também localiza o medo das pessoas...
Digam-me: Para quê isto tudo?!
Tanto dinheiro em pesquisas e tudo mais... E ainda não há um localizador de inteligência disponível no mercado! Mas que cientistas são estes?!
É que, reparem: Um localizador de inteligência até dava jeito... Principalmente ali para os lados de Alvalade, onde a coisa parece muito bem escondida...

Tipo: um gajo andava ali com o localizador... E às tantas: PIIIIII!!!
"Eh lá! Encontraste por aí alguém inteligente?!"
"Sim, encontrei... Era um tipo que ia ali a passar na rua com um cachecol do Benfica..."
E lá continuavam as buscas!

Mas voltando à ideia do localizador de almas perdidas, para que é que interessa a uma pessoa saber que em sua casa anda a passear um fantasma?! Para lhe servir o jantar a horas?!
É que, reparem, se um gajo souber que tem um fantasma em casa, a coisa mais provável (isto, é claro, se acreditar!) é fugir a sete pés daquele local!
ORA! COMO É QUE EU NÃO PENSEI NISTO ANTES?!
Será que a empresa que está a lançar isto é uma imobiliária?!
Desta forma, poderá vender mais casas, e comprar outras em lugares cativos! Basta dizer aos donos que tem um fantasma em casa!

Eu logo vi!


Sábado, 23 de Abril de 2005
Os traumas de quem não consome àlcool...
Para quem não me conhece e que esteja, eventualmente, a ler estas linhas (duvido que haja alguém nesta situação...), devo dizer-lhe que eu, N. Miguel Dias R., com quase 18 anos, nunca bebi qualquer tipo de bebida alcoólica na minha vida!
Acredite ou não, esta é a verdade, nua e crua!

Desta forma, e dado que hoje em dia são puucos os que podem orgulhar-se de dizer isto, muitos são os eventos que têm como forma de atracção a oferta de bebidas alcoólicas, etc etc... Todos nós conhecemos isso!
Estão a ver o meu trauma?!
Tipo: Super Bock Super Rock!
Porque não um "Sumol Néctar, Sumol Rock" ?!
(Resposta: Porque desta forma apenas aparecia lá eu...)

Á pala disto, um dos maiores choques da minha vida aconteceu ontem. Miguel Dias (eu!) está na internet a passear, até que às tantas lembra-se de ir visitar o site que aparece nas garrafas da sua bebida favorita. Falo do site www.joi.pt , obviamente!
Quando cheguei lá, deparo-me com um formulário que se tinha de preencher, para ter o chamado "Jói Card". E eu fiquei louco por isto! Sempre quis ter um cartão de identificação, para que as pessoas percebessem realmente que sou viciado em Jói!
Preencho os espaços com os meus dados e, no momento em que envio os mesmos, aparece-me uma mensagem de aviso...
"Não pode pertencer ao clube com mais de 12 anos de idade".

Mas que é isto?! Não admira que haja tanto pessoal a dedicar-se à Super Bock!
Fiquei mesmo chateado, pah! Eu já todo contente e tal...
Tipo: se eles tivessem perguntado antes o tamanho das minhas orelhas, a coisa passava e ninguém dava pela minha idade... Mas não! Pedem logo a data de nascimento!

Devo, entretanto, anunciar aqui que o pessoal que não consome bebidas alcoólicas é discriminado em bares! É verdade!
Experimentem, num amontoado de pessoas a pedir shots, a pedirem vocês um sumo de laranja sem gás!!
Acreditem: o gajo ou gaja que estiver atrás do balcão nem vos liga!

Por outro lado, mesmo que liguem, demoram uma eternidade a encontrar o tão desejado sumo! A sério! Deve ser da falta de hábito a servi-lo! Quando estive em Lloret, este ano, arrisquei a pedir um sumo de laranja sem gás num disco-bar e o gajo andou pelo balcão, às voltas, uns bons 10 minutos, à procura do dito sumo! E nunca mais o encontrava!
Tipo: é quase como ir ali à sala dos troféus do Benfica e procurar por um troféu que não cheire a velho... Qual a verdadeira diferença: é que, neste caso, não encontram mesmo!!! (P.S.: Eu sou benfiquista... Pode ser que seja este ano...)

Fica aqui o conselho para todos vós: Se um dia decidirem não consumir àlcool, tal como eu, preparem-se para uma vida difícil!


Domingo, 17 de Abril de 2005
Violência com quadrados pretos e brancos.
A Rússia!!!
A Rússia é mais um país que eu adoro! Pura e simplesmente!!! Acho que as pessoas de lá têm personalidade e tal... Nem que seja como funcionário mais baixo da construção cívil... (entenda-se: o gajo que anda com os "baldes de massa" na mão...)

Mas não é disso que vos vou falar...
O que aconteceu foi o seguinte:
Lembram-se de Garry Kasparov?!
Sim, esse mesmo! O gajo do xadrez, cujas primeiras palavras que ele aprendeu devem ter sido "Xeque-mate"!
Pois bem! Para os mais desatentos, ele abandonou a competição no passado dia 10 de Março. Porquê?! Porque vai-se dedicar ao combate político contra o actual presidente russo Vladimir Putin.

Ora, o que aconteceu foi o seguinte: Muitos russos não gostaram da ideia!
De tal forma que aqui há dias, um jovem, indignado com a atitude de Kasparov, agrediu o mesmo, enquanto este se encontrava num encontro com jovens militantes de grupos de oposição.
A grande novidade está neste ponto: o jovem, a fim de levar a cabo a sua missão, tratou de agredir Garry Kasparov com... Um tabuleiro de Xadrez!!!

É verdade! E vem noticiado na edição on-line de hoje do Jornal de Notícias.

A primeira ideia que eu tenho é a seguinte: Caro Schumacher, se tu um dia abandonas a Fórmula 1 para te dedicares à oposição do Durão Barroso na Comissão Europeia, quem sabe se não te atropelam na rua, por causa da tua atitude!

Mas reparem: levar com um tabuleiro de xadrez na cabeça deve ser doloroso... Mas se fosse um cavalo, em vez do tabuleiro, seria bem pior... Ou então uma torre...

A meu ver, este é o principal problema dos desportos com acessórios... Reparem: Se um dia quiserem fazer justiça semelhante a esta em relação à Rosa Mota, por exemplo, o que é que lhe fazem?! Atiram-lhe com o quê?!

Já ao pessoal que corre nas estafetas, podia-se sempre atirar o testemunho à cara!
E se, por mero acaso, o José Castelo Branco corresse um dia numa prova destas e mais tarde alguém o quisesse julgar por alguma atitude, então o testemunho não era atirado... Era enfiado!

Fiquem entretanto a saber, caros leitores, que Garry Kasparov tem bom sentido de humor... Em reacção ao sucedido, ele disse o seguinte: "Felizmente que na União Soviética o desporto popular era o xadrez em vez do basebol."

Genial!


Segunda-feira, 11 de Abril de 2005
[Algo fora do comum]
(Bom, caros leitores, a verdade é esta: ando desinspirado (Questão pretinente: Alguma vez estive inspirado?!) no que toca a escrever neste meu blog. Prova disso é talvez o facto de não escrever nada de novo por aqui desde 2 de Abril (Dia em que escrevo isto: 11 de Abril).

Ora, tudo isto se passa porque tenho sempre a ideia de, a cada artigo que passa, subo um degrau na exigência do próximo.
Neste momento, o que vou fazer é esquecer toda a escada que subi e fazer algo fora do comum no contexto deste blog.
Vou simplesmente relatar os meus loucos impulsos deste momento...)

Encontro-me sentado numa confortável cadeira, com o computador cujo teclado sofre violentos embates provocados pelos meus dedos, de forma a que este texto vá crescendo. Oiço uma música chamada "Another Word to Desperate" dos Straylight Run e (Pasmem-se!) tenho um dicionário de língua portuguesa à minha frente.
Basicamente, as minhas intenções neste momento baseavam-se no seguinte: ir abrindo umas páginas do dicionário aleatoriamente e ir mostrando aos meus leitores palavras invulgares que se podem encontrar neste belo compêndio de gramática.

Ora aqui vai a primeira:
Sabem o que é "extispício"?! Sabem?!
É a suposta arte de adivinhar pelo exame das entranhas das vítimas dos sacrifícios. Na onda do que fazia o mítico médico de bigode e óculos do "Rex, o Cão Polícia", série que insiste em dar na SIC à tarde, mesmo estando a repetir pela 154784858577ª vez a primeira série.
(Para aqueles que não acompanham regularmente a emissão da SIC, extispício pode ser também a arte de adivinhar pelo exame das marcas profundas dos benfiquistas, após 11 anos sem ganhar nada...)

Outra palavra muito interessante!!!!
Topem: "Locupletar"...
Sabem o que é?!
"Locupletar" significa "tornar rico, encher, enriquecer, saciar-se"... Ou seja, roubar um banco!

E sabem o que é "desainar" ?!
É, precisamente, tirar a gordura a algo! Genial, não é?! Tipo: as tias de Cascais entre si...
"Ai tenho de ver se vou ao médico desainar-me..."
Reparem: Isto disfarça! E evita que elas digam a fatídica palavra "Lipoaspiração"...

E pronto, esta loucura já passou!
Depois deste deprimente momento, vamos orar para que eu volte a escrever algo de jeito..


Sábado, 2 de Abril de 2005
Dia das Mentiras?! Que é isto?!
Devo dizer que sempre vivi fascinado com o Dia das Mentiras.
A sério: Qual o objectivo?! Será que este tipo de dias existe para, por exemplo, se poder contentar o Santana Lopes, dizendo-lhe que ele governou bem?!
É que, sinceramente, só se diz uma coisa destas num dia destes!

Ou será que este dia existe para que, pelo menos durante 24 horas, alguém possa dizer todo o tipo de disparates, sem sentido e sem fundamento?!
Será que serve para isso?!
Então, por favor, avisem o pessoal da informação da TVI que só se faz isso durante este dia, e não ao longo de todo o ano...

Mas é, sem dúvida, fascinante um gajo poder mentir à vontade durante um dia...
Eu, pessoalmente, não dou grande importância a este dia. Porque, sinceramente, não consigo mentir.
(Para os mais desatentos, a minha última frase é a principal razão pela qual ainda não entrei no mundo da política.)

Mas, se conseguisse, este dia devia ser muito bom!
Já me imaginaram por aí, na rua, a dizer coisas como "Epah, encontrei um pote de ouro ali dentro daquela sargeta!" ou "Ontem à noite vi um OVNI a sobrevoar a minha casa!" ou até mesmo "O Trappatoni é um excelente treinador!!!" ?! Era um espectáculo!!
(Acredito piamente que as pessoas talvez acreditassem nas duas primeiras frases. Agora a última... Não sei não!)

Por outro lado, será que este dia tem algum fundamento histórico?!
Tipo: onde é que tem origem esta tradição?!
Apesar de ainda não saber a resposta, estou plenamente convencido que, dado que se trata de mentiras, isto deve vir dos Estados Unidos da América...

(Até lhes podiamos perguntar! Mas a resposta é sempre a mesma... "The problem is in Iraq!")

Dado este panorama, aconselho-vos a lembrarem-se, no próximo ano, do dia das mentiras... E, já agora, avisem-me a tempo, para ver se eu me divirto também!!!
Pode ser que, na loucura, eu diga algo como "O meu sonho é cantar como o Emanuel!"


'sussure alguma coisa ao ouvido do Dias:

'se quer saber onde raio anda o tal artigo que ouviu falar, procure aqui:
 
'Abril 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22

24
26
27
28
29
30


'apesar de frequentarem blogs muito maus, o Dias sugere-vos estes:
'coisas muito mal escritas, mas bastante recentes

' Sem título.

' E se eu não tivesse tempo...

' O nome "Vigor" pode mesmo...

' O fim das bolachas Maria.

' Se está farto de mulheres...

' Adorar vacas pode, afinal...

' Eles não gostam de nós.

' Não leia isto para bebés.

' Levante o pé.

' Contem-me uma melhor.

' Alto e pára o baile!

' Um casamento garante-te n...

' Já que a Bolsa não dá nad...

' Um dia não me lembrarei d...

' "Olha, queres uma pastilh...

' Uma Sueca em vez de Solit...

' É tudo uma questão de tem...

' Caros Leitores

' Isto desconcentra os deus...

' Vai um copo?

'porque um blog com um arquivo é sempre uma coisa muito gira
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


blogs SAPO
'subscrever feeds