Quinta-feira, 28 de Dezembro de 2006
Já lá vão dois...

Foi há dois anos, neste dia 28 de Dezembro, que este blog nasceu. Intitulado "A Deprimência de Miguel Dias", nasceu aquele que está a ser o meu projecto mais longo na internet. Desde então, muitos caracteres correram neste singelo espaço! Discussões políticas, piadolas acerca de causas nobres, sinais de frieza perante catástrofes, foto-montagens, análise de resultados eleitorais... Tudo passou por este blog!

Notícias cómicas, dos Estados Unidos da América e não só, foram sem dúvida o principal objecto de trabalho deste blog. E foram muitas as observações que aqui apresentei que se transfiguraram e se tornaram em piada de algibeira, com os amigos... Foi com essas piadas de algibeira que muitos dos meus leitores (que não passam dos meus amigos, no fundo...) começaram a pedir a criação de um carimbo que certificasse que as piadas são minhas. Pois bem: Esse carimbo nasceu e vigorará, a partir de hoje, no cabeçalho deste singelo blog.

Foram dois anos de 158 artigos, a um ritmo médio de um artigo por cada 4,62 dias. Dados meramente estatísticos, diga-se... Mas a estatística não me interessa! A verdade é que este blog vai continuar enquanto eu não tiver nada de mais interessante para me ocupar os tempos livres, e, com sorte, os leitores continuarão a visitá-lo, pois sem eles isto não teria sentido nenhum.

Resta-me agradecer a todos os que me lêem frequentemente (E até mesmo aos que só me leram uma vez, sem querer...), poise sem vocês este blog não teria chegado aos dois anos.

O meu muito obrigado, camaradas!


há tanta coisa gira para fazer neste mundo, mas o Dias optou por escrever isto pois não tinha nenhuma amiga com ele e encontrava-se: Orgulhoso destes 2 anitos!
enquanto o Dias escreveu este artigo, apesar de pequenas, as suas orelhas ouviram isto: Tinha lógica um "Happy Birthday" de alguém...


Terça-feira, 26 de Dezembro de 2006
Os nossos vizinhos são uns malucos!

A Espanha, reino de D. Juan Carlos I, não pára de surpreender o mundo. Já não bastava o Barcelona perder o Mundial de Clubes, vem agora esta notícia provar-nos que os espanhóis são, efectivamente, uns apanhados da cabeça...

A notícia diz-nos que 94% das notas de euro que circulam em Espanha têm (qual marca-de-àgua qual quê!) vestígios de cocaína! Isto porque a Espanha é o maior consumidor de cocaína do mundo e, segundo consta, o pessoal desta onda gosta de a inalar com uma nota enrolada.

É, sem dúvida, uma forte pancada, e faz com que 94% das notas em circulação tenham umas miligramas dessa droga que, curiosamente, rima com "Mebocaína". Esta é mais uma utilização possível para as notas de euro e deixa as pessoas limpas de cocaína assustadas com a própria carteira. Eu, que sempre patrocinei uma vida sóbria e consciente, fico agora a saber que a minha carteira já deve ter transportado cocaína.

Digo isto porque este estudo já foi feito noutros países europeus, sendo que, por exemplo, a percentagem de notas infectadas na Inglaterra é de 99%, sendo que se presume que 15% destes se devam ao príncipe Harry... Mas reparem: Não fizeram este estudo na Holanda. Ora, como é da Holanda que se trata, acho que este estudo devia ser feito, mas com outra questão "Quantas notas de euro são feitas de cocaína em vez de papel?"...

A verdade é que, segundo Fritz Soergel, para as notas terem sido realmente usadas para inalação de cocaína, teríam de ter mais de um micrograma da substância. E, em Espanha, são 91% das notas que têm, efectivamente, mais de um micrograma! Portanto, os nossos vizinhos são mesmo apanhados do clima! Desde que levaram com a pá da padeira de Aljubarrota que se habituaram a ver estrelas e desde então nunca mais pararam!

Eu gostava, sinceramente, de saber os resultados de um eventual estudo semelhante em Portugal. Diz a notícia que em Espanha recolheram notas dos mais variados sítios, tais como farmácias, supermercados, ginásios ou até quiosques... Em Portugal estou convicto que se recolhessem as notas dos deputados do Bloco de Esquerda, o resultado seria um imbatível 100%! E na carteira do Louçã eram capazes de encontrar uma ou duas doses que ele usa nas campanhas a favor das salas de chuto...

Após esta notícia fica explicado aquele vício que muita gente tem e que se baseia em cheirar as notas...


há tanta coisa gira para fazer neste mundo, mas o Dias optou por escrever isto pois não tinha nenhuma amiga com ele e encontrava-se: Traficante sem saber.
enquanto o Dias escreveu este artigo, apesar de pequenas, as suas orelhas ouviram isto: Arctic Monkeys - Fake Tales of San Francisco


Sábado, 23 de Dezembro de 2006
Não neva, é certo... Mas é Natal!

Há que tempos não escrevia por aqui. Algum desleixo, confesso. Mas já não é tempo para me justificar. E isto porquê? Porque é Natal e, com sorte, é tempo de perdão... E os leitores aficionados do meu blog (Quem me dera tê-los...) desculpar-me-ão!

É verdade: O Natal está aí, e com ele todas as coisas comuns que todos os anos voltam: A música dos Wham, o Herman no Circo, o Natal dos Hospitais e, com sorte, mais um terramoto algures neste mundo.

Desta forma, como tudo é tão comum, vamos antes falar do Natal no nosso país em concreto. O nosso Natal tem bacalhau, tem luzes nas varandas, o boneco do Pai Natal a subir as nossas janelas e ainda a maior Àrvore de Natal em Lisboa. Somos realmente um país muito à frente nesta época, e prova disso são os 13 mil condutores que, em 24 horas, foram apanhados pelos radares fixos da capital. Somos um país tão à frente que precisamos de andar depressa! Não temos tempo a perder, senão no dia 24 à noite não há bacalhau para a família!

Eu, sinceramente, acho que estes números só são possíveis nesta época. E porquê? Porque muitos portugueses, dada a crise, não vão poder ter um Natal alegre em casa... Como tal, aceleram à grande nas estradas e, com sorte, ainda vão passar o Natal ao hospital, onde pelo menos vêem o Marco Paulo e, se a fortuna lhe bater à porta, as bailarinas do Fernando Pereira...

É Natal e com ele vêm as filhoses, os desejos de paz para o Mundo, a comunicação do Presidente da República à nação e ainda as mensagens de telemóvel, sempre iguais, a desejarem uma boa noite de consoada. Soa bem, sem dúvida, mas é banal... Porque não algo especial este ano, tipo: Não dizer nada? Parece-me bem! Um silêncio aterrador entre os utilizadores das tão pomposamente denominadas SMS! Podem achar que o silêncio é má onda, mas pensem: Se fossem os Pólo Norte a dar-nos silêncio, vocês gostavam, não?

Com o Natal vêm as prendas, as àrvores de Natal e o Pai Natal. E esta é, sem dúvida, uma oportunidade para o Mário Soares fazer alguma coisa: Ser Pai Natal! É gordo, tem cabelo branco (Só é pena ser pouco...) e com uma barba postiça estava em forma! Depois do mp3, vamos criar o mpn: Mário Pai Natal! É que, reparem: Segundo os mitos que correm por aí, ele é alguém para ter muito diamante e marfim para oferecer às pessoas...

Enfim... Quem sou eu para estar aqui a falar do Natal, quando quase nem reparo nele? A culpa não é minha, a sério! A minha vida pessoal é que me reservou, logo à nascença, coisas mais importantes para eu me lembrar nesta altura do ano...

Seja como for, caros leitores, aqui o Dias deseja-vos um óptimo Natal! E se o Pai Natal que descer a vossa lareira for o Mário, lancem mais lenha para a fogueira!


há tanta coisa gira para fazer neste mundo, mas o Dias optou por escrever isto pois não tinha nenhuma amiga com ele e encontrava-se: Com espírito natalício...
enquanto o Dias escreveu este artigo, apesar de pequenas, as suas orelhas ouviram isto: Hot Hot Heat - Christmas Day in The Sun


Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2006
Como acabar com a alegria de Miguel Dias, segundo o Método de Jonasnuts.

Ainda foram algumas as horas em que pensei que o recente destaque do meu blog se devesse ao que realmente escrevo neste simpático sítio. A sério! Às vezes, mesmo não parecendo, gasto alguns neurónios para escrever um ou outro artigo... No fundo, há um esforço da minha parte que eu pensei que tivesse sido, com o recente destaque, enaltecido pelo pessoal do SAPO.

Mas não! Jonasnuts, colega de trabalho (Presumo...) de JoanaTorrado, comentou no meu anterior artigo, dizendo que deu uma ajudinha à pessoa que, ainda que por breves horas, me destacou. E Jonasnuts escreveu assim: "confesso que a parte do "também não é do sporting" ajudou bastante".

Portanto: Este destaque não se deveu aos artigos todos que eu escrevi ao longo de quase dois anitos... Não se deveu às piadolas que fui fazendo ao longo deste tempo todo, nem tão pouco à fracamente enaltecida controvérsia gerada à volta de um artigo meu, quando enumerei uma frase de Catherine Thomati e a própria replicou a dita piadola, com um tom de ofendida.

Não. Nada disso! Jonasnuts aconselhou JoanaTorrado a destacar o meu blog apenas porque na descrição do blog eu digo que a minha cor clubistica não é o verde. Parece-me digno. Quase que fico contente com esta notícia! Mas é apenas quase...

Enfim... A comunidade SAPO é divertida, mantém-nos o sorriso sempre presente e, mais que isso, também não é do Sporting.

Sabem porque é que eu ainda não me mudei para o Blogger.com, sabem? Porque no SAPO os colaboradores sempre nos arranjam assunto para escrever um artigo de vez em quando!

 

(Agora sim, um pingo de sinceridade: Obrigado Jonasnuts e JoanaTorrado! E não, não vale a pena pensarem que fiquei chateado, pois isso é falso! Ainda havemos de marcar um jantarinho...)


há tanta coisa gira para fazer neste mundo, mas o Dias optou por escrever isto pois não tinha nenhuma amiga com ele e encontrava-se: Tudo menos sportinguista.


Terça-feira, 12 de Dezembro de 2006
Fui destacado, fui destacado!

Não queria acreditar que o comentário de JoanaTorrado, no meu artigo anterior, estivesse provido de um pingo de verdade. Mas estava enganado! Dei um pulinho ao site que o comentário enunciava e conclui que JoanaTorrado é uma pessoa séria, que não brinca quando comenta alguma coisa na blogosfera do SAPO.

A verdade é que este meu singelo blog foi destacado na respectiva zona de destaques do SAPO Blogs, facto este que me deixa relativamente contente. Pode ser coisa temporária, mas para todos os efeitos, deixo-vos o link, onde poderão ver o meu destaque (Ainda que por pouco tempo, presumo...) e outros que possam ter sido escolhidos por JoanaTorrado.

Para a história fica o seguinte screen:

Reparem que o meu blog tem, no screen que eles fizeram, a imagem de um preservativo, contrastando com o Pai Natal do blog que surge destacado a seguir ao meu... Enfim, contrastes!

Ah, e já agora, os meus sentidos agradecimentos a JoanaTorrado pelo destaque!


há tanta coisa gira para fazer neste mundo, mas o Dias optou por escrever isto pois não tinha nenhuma amiga com ele e encontrava-se: Lisongeado!


'sussure alguma coisa ao ouvido do Dias:

'se quer saber onde raio anda o tal artigo que ouviu falar, procure aqui:
 
'Dezembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
14
15
16

17
18
19
20
21
22

24
25
27
29
30

31


'apesar de frequentarem blogs muito maus, o Dias sugere-vos estes:
'coisas muito mal escritas, mas bastante recentes

' Sem título.

' E se eu não tivesse tempo...

' O nome "Vigor" pode mesmo...

' O fim das bolachas Maria.

' Se está farto de mulheres...

' Adorar vacas pode, afinal...

' Eles não gostam de nós.

' Não leia isto para bebés.

' Levante o pé.

' Contem-me uma melhor.

' Alto e pára o baile!

' Um casamento garante-te n...

' Já que a Bolsa não dá nad...

' Um dia não me lembrarei d...

' "Olha, queres uma pastilh...

' Uma Sueca em vez de Solit...

' É tudo uma questão de tem...

' Caros Leitores

' Isto desconcentra os deus...

' Vai um copo?

'porque um blog com um arquivo é sempre uma coisa muito gira
2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


blogs SAPO
'subscrever feeds