Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

há Dias assim...

Há dias históricos, banais, marcantes, deprimentes, excelentes, maus, magníficos, secantes, fantásticos, desinteressantes e, quiçá, bons. E depois também há Dias assim... Se gosta de Dias assim, parabéns. Está no blog certo.

Há dias históricos, banais, marcantes, deprimentes, excelentes, maus, magníficos, secantes, fantásticos, desinteressantes e, quiçá, bons. E depois também há Dias assim... Se gosta de Dias assim, parabéns. Está no blog certo.

há Dias assim...

20
Jan07

A minha aproximação a Mourinho.

delta_unit

Talvez já o tenha feito, ao longo da vida deste blog: falar de mim deliberadamente. É uma forma de (Qual Mourinho, qual quê!) alimentar o meu ego, ou talvez de vos dizer "Querem gozar comigo, querem? Então gozem com coisas bem diferentes do previsível, pois a piada fácil sobre mim sou eu que a faço!"

Desta forma, há alguns dias atrás dei por mim a tentar alimentar o meu ego. Que fiz eu? Procurei pelo meu próprio nome no google e vi onde é que se fala de mim nesta tão pequena internet.

Inicialmente, procurei por Miguel Dias, mas depressa reparei que o que não faltam aí são pessoas com o nome "Miguel Dias"! Já não bastava o actor que, em Floribella, desempenha o papel de Antoine, o cozinheiro bonacheirão, e que em tempos foi vocalista da promissora banda "Mercuriocromos" e apresentou o hilariante programa da RTP, o "Só Números", com um épico Paulino na voz-off! Já não bastava esse peso pesado da arte de representar em Portugal!

Vi a descobrir que o Custódio, jogador do Sporting Clube de Portugal, chama-se Custódio Miguel Dias de Castro! Caramba: Este gajo é tão Miguel Dias quanto eu!

Assim sendo, e antes que o Nuno Melo do PP fosse Nuno Miguel Dias Melo, decidi não continuar a ver os resultados da pesquisa e procurar pelo meu nome completo, Nuno Miguel Dias Rodrigues.

Inevitavelmente, surgiram algumas pautas da faculdade que frequento... Mas depois dessas pautas e listas de inscritos em cadeiras, eis que surge o inesperado! Então não é que eu fui contratado pela Direcção Regional de Agricultura do Alentejo, para desempenhar funções de vigilância e prevenção de incêndios florestais?

Vejam, amigos, vejam!

 

Eu agradeço imenso a consideração! De facto, se eu um dia vir um foco de incêndio, avisarei as entidades responsáveis! E, como é óbvio, faço o que posso para prevenir os incêndios florestais... Mas, a sério, não é preciso falar disso no Diário da República!

Seria, sem dúvida, um posto engraçado para mim, durante o Verão. Seria uma forma de auferir 492 euros mensais. No entanto, este despacho do Ministério da Agricultura diz que o contrato produziu efeitos apenas entre 2 de Julho e 31 de Agosto de 2004. Portanto, eu nem dezoito anos tinha! Mas o Ministério da Agricultura já me tinha contratado para vigilante da floresta!

Parece-me, no entanto, que nesta fase de 2004 seria mais interessante estar no cimo de um monte com uns binóculos a procurar colunas de fumo do que fazer aquilo que eu e muitos portugueses fizemos: Sentarmo-nos no sofá a ver a selecção grega ganhar o Euro 2004!

Se, por exemplo, eu estivesse à procura de incêndios florestais no Porto (Incêndios florestais numa cidade? No Porto tudo é possível!) poderia ter visto a rolha da garrafa de champanhe do Pinto da Costa no ar quando a Grécia ganhou a final! E depois via a coluna de fumo do cigarro da Carolina Salgado... E aí telefonava para os bombeiros e dizia: "Pessoal, houve uma fuga de gás na casa do Pinto!"

É realmente engraçado ver o nosso nome na internet. Mais ainda quando ele nos diz que trabalhamos em prol da nossa floresta, essa grande riqueza que Portugal tem. Faz nascer dentro de nós um D. Dinis! Apetece-me ir plantar àrvores! Agora, em plena luz da Lua! Venham comigo, amigos! Vamos todos fazer a nossa floresta crescer! E amanhã, quando o dia começar, paramos para ver as Pistas da Blue.

Vamos!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2008
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2007
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2006
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2005
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2004
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D